SEJAM BEM VINDOS!

Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic

terça-feira, 28 de maio de 2013

A Serenata


Uma noite de lua pálida e gerânios
ele virá com a boca e mão incríveis 
tocar flauta no jardim.
Estou no começo do meu desespero
e só vejo dois caminhos: 
ou viro doida ou santa.
Eu que rejeito e exprobo
o que não for natural como sangue e veias
descubro que estou chorando todo dia,
os cabelos entristecidos,
a pele assaltada de indecisão.
Quando ele vier, porque é certo que vem,
de que modo vou chegar ao balcão sem juventude?
A lua, os gerânios e ele serão os mesmos
- só a mulher entre as coisas envelhece.
De que modo vou abrir a janela,se não for doida?
Como a fecharei, se não for santa?
Adélia Prado

Photobucket

sexta-feira, 24 de maio de 2013

"Poeminha Amoroso"


Este é um poema de amor 
tão meigo, tão terno, tão teu... 
É uma oferenda aos teus momentos 
de luta e de brisa e de céu... 
E eu, 
quero te servir a poesia 
numa concha azul do mar 
ou numa cesta de flores do campo. 
Talvez tu possas entender o meu amor. 
Mas se isso não acontecer, 
não importa. 
Já está declarado e estampado 
nas linhas e entrelinhas 
deste pequeno poema, 
o verso; 
o tão famoso e inesperado verso que 
te deixará pasmo, surpreso, perplexo... 
eu te amo, perdoa-me, eu te amo... 
"Poeminha Amoroso"

Photobucket

segunda-feira, 6 de maio de 2013

SONHADOR


Sonhos desprezados calados na mente,
sonhos de ilusões que me trazem frustrações,
na mente de um sonhador, uma triste esperança,
de seus sonhos realizados.
Sonhos da vida, sonhos que me inspiram viver
além dos sonhos.

Dudah

Photobucket
Related Posts with Thumbnails
 
Topo